quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

E assim se passaram cinco anos





Muitas coisas aconteceram desde o dia 4 de dezembro de 2008, quando publiquei o primeiro texto neste blog. Enquanto o Brasil e o mundo passaram por reviravoltas, guerras e tragédias, entremeadas por pequenos lapsos de esperança, o tempo me deixou com mais cabelos brancos e mais questionamentos sem respostas. Afinal, amadurecer é também se desfazer de certezas. Dos 38 aos 43 anos, algumas convicções se evaporaram, outras se sedimentaram e a vida prosseguiu. O que penso dela está aqui, nesses quase 300 textos. Me arrependo de alguns, discordo de outros, mas tenho carinho pela maioria, incluindo aí citações de alguns autores lidos nesse período.

O blog foi também, e talvez isso tenha sido o mais importante, um espaço no qual pude dividir impressões com as pessoas mais variadas, algumas das quais não conheço pessoalmente, que se tornaram amigas, ainda que virtuais. Gente que comenta, compartilha, elogia, discorda, aponta caminhos alternativos ou apenas lê em silêncio. Gente que de uma forma ou de outra se tornou bastante presente no meu cotidiano.

Este Lado do Paraíso não é muito lido. São pouco mais de 28 mil visualizações e 944 comentários desde o seu nascimento, e nos últimos tempos a frequência de textos publicados diminuiu bastante. Senti que me repetia, que minhas obsessões estavam se tornando um leitmotiv lento e enfadonho a aborrecer meus poucos e fiéis leitores. Mas o que fazer? É através dessa forma repetitiva que consigo expressar minhas inquietações para mim mesmo, deixando ainda um legado intelectual para que um dia minha filha os leia (já lê alguns, de vez em quando) e me conheça ainda melhor.

Vou continuar, é claro. É o meu espaço, minha pequena trincheira, meu armarinho de miudezas existenciais. Quem sabe mais cinco anos. Ou dez, ou vinte ou apenas um. Abrirei um vinho daqui a pouco para comemorar esse aniversário silencioso. E faço, desde já, um brinde especial a vocês que me aturam. Obrigado pela companhia e cumplicidade.

18 comentários:

Laert Yamazaki disse...

Ler Este Lado do Paraíso sempre foi uma grande inspiração para mim, Paulo. Como você mesmo sabe, venho há bastante tempo pesquisando, lendo, estudando autores, para quem sabe um dia, me tornar um.
Que venham mais 5 anos. E que de pouco em pouco o legado aumente.
Um grande abraço e parabéns!

Paulo Sales disse...

Muito obrigado, caro Laert. Seus comentários e sua presença aqui são sempre uma referência importante. Continue marcando presença.
Abração!

Clara Gurgel disse...

Há várias, inteligentes e cativantes maneiras de se dizer o mesmo, Paulo. Você é a prova viva de que isso é possível. Mais cinco, pelo menos. Parabéns! Clara, presente!

Paulo Sales disse...

Valeu, Clarinha. E é claro que lembrei de você quando escrevi que o blog me fez conhecer pessoas que se tornaram amigas, ainda que virtuais, e que fazem parte do meu cotidiano.
Beijão e mais uma vez obrigado.

Bruno Cartaxo disse...

Paulão, este espaço não é só seu. É nosso. E a gente tb comemora, silenciosamente, cada novo post. Abs e parabéns.

Paulo Sales disse...

Beleza, Bruninho. Obrigado e apareça sempre.
Grande abraço.

Nina disse...

Beijo para você! E continue!

Paulo Sales disse...

Outro pra você, querida Nina. Continue sendo a criadora da Menina de Cachos que eu adoro. Prosseguirei.

Claudio Cordeiro disse...

Caro Paulo, que deve estar com o sorriso até a orelha graças ao rubronegro, continue sim a escrever. Manter um blog me parece ótimo pra organizar as ideias, refletir sobre tudo e passar pro papel nossas inquietações. Angústias da vida transformadas em letras acalmam ! Ou não ! E como vc mesmo colocou, não deixa de ser um legado, afinal um dia todos viraremos pó. Abração

Paulo Sales disse...

Valeu, Claudião
O coração rubro-negro anda feliz sim. E o blog representa para mim exatamente o que você disse: escrever acalma, clareia, elucida.
Grande abraço.

Chico Salles disse...

Parabéns, Paulão. Este Lado do Paraíso se tornou leitura obrigatória para muita gente - eu tô no time. Abs.

Paulo Sales disse...

Valeu, brother. Um blog legal é em grande medida feito de seus leitores. Continue marcando presença.
Abs

Karla Araújo disse...

Vida longa ao blog e a vc, primo. Chears!

Paulo Sales disse...

Valeu, Karlinha.
Beijão.

Giovanni Soares disse...

Tim-Tim! Tô colado no Este Lado do Paraíso. Parabéns. E vamos marcar para tomar uma na minha temporada de verão na Bahia. Forte abraço.

Paulo Sales disse...

Obrigado, meu velho. Sua presença por aqui é muito importante. Vamos marcar essa cerveja sim.
Abração

ArmundoAlves disse...

Nesses cinco anos, perdemos muitos espaços, muitos blogs foram encerrados. Não vou citar o nome de nenhum. Solitariamente, lamentamos a perda e procuramos novas trincheiras (a expressão é exata). Eu, comentarista pra lá de bissexto, tenho o Este Lado do Paraíso como uma delas. Não se encontra facilmente a paixão pela literatura, pela música, pelo mistério e complexidade da vida externada com tão boa escrita. Mais cinco, por favor, pelo menos.

Paulo Sales disse...

Armundo, seu comentário me deixou comovido. É muito bom saber que tenho meu blog em alta conta por alguém que sempre expressa opiniões relevantes neste espaço. Continuarei, sim, e continue aparecendo.
Muito obrigado e um grande abraço.